Eu recomendo · Livro · Sem categoria

(RESENHA) Flávia e o Bolo de Chocolate, Míriam Leitão


Flávia e o Bolo de Chocolate é um livro infantil da Míriam Leitão que aborda a adoção, mas mais do que isso, a adoção inter-racial.

A autora não se prendeu muito na parte do “por que” adotar como a maioria dos livros infantis sobre o tema, ela aborda essa questão simples e diretamente:

“- É ela! Senti na hora que a vi. Eu gostei dela e ela gostou de mim, olha só o sorriso!” Pronto, assunto encerrado. Eu gosto dessa naturalidade.

A questão mesmo do livro é que a Flávia, a filhinha, depois de um certo tempo diz que não gosta de sua cor “marrom” e de nada da cor “marrom” e que queria ser igual a mãe. Daí com a mesma simplicidade, a mãe explica de uma maneira divertida que as pessoas, apesar de serem iguais, possuem diferenças e que isso é legal. Além disso,  a mãe consegue convencer a filha que muitas coisas da cor marrom são bonitas e boas, inclusive a cor de sua pele. 

Eu gostei bastante do livro. Ele tem ilustrações bonitas, é bem escrito e tem uma mensagem bem legal que valoriza a diferença e a autoimagem da criança.

Até a próxima! 

Cada dia mais perto.”

    Eu recomendo · Livro · Processo · Sem categoria

    RESENHA – A Aventura da Adoção de Paula Abreu

    Oi, pessoal.

    Hoje venho falar sobre o livro ” A Aventura da Adoção – um guia completo para pais, mães e filhos” da Paula Abreu.

    a-aventura-da-adoco-paula-abreu-D_NQ_NP_840701-MLB20386775490_082015-F.jpg

    Ao contrário do que eu pensava, este livro não é ficção. A Paula narra sua história real de adoção, com todos os altos e baixos envolvidos, o que torna a identificação com o leitor que já passou ou está passando por esta experiência muito fácil. E para quem quer conhecer mais sobre adoção, o livro é bem esclarecedor, embora a história tenha ocorrido antes do CNA e da Nova Lei da Adoção.

    No começo do livro eu me identifiquei muito com a autora, a ponto de achar que era eu quem estava escrevendo o livro. rs. Mas depois nossas diferenças ficaram evidentes. Depois de ler este livro, nunca mais vou me considerar uma pessoa ansiosa, porque a Paula bateu todos os recordes de ansiedade. rsrs. Confesso que isso me irritou um pouquinho.

    Por exemplo, durante o processo de habilitação, ela já estava desesperada pra encontrar o(a) filho (a). Na verdade a maior parte do livro se passa durante o período que ela está se habilitando.

    Um outro ponto que não concordo foi a questão do “amor à primeira vista” que ela menciona em uma dada situação (que eu não vou falar aqui pra não dar spoiler, mas que me deixou chateada. rs)

    Enfim, uma das mensagens que ela passa é de que durante o processo nós – pretendentes – não podemos dar mole e ficar no pé do pessoal da Vara. rs. Bem, talvez isso fosse necessário naquela época, né? Não sou adepta disso.

    Uma característica bem legal é que me pareceu um relato bem sincero, não é aquela história toda romantizada não.

    O livro foi de fácil leitura e, apesar de não concordar com algumas coisas, acho que valeu a leitura. Até porque descordar faz parte, né, minha gente?

    A parte deliciosa é que o final é feliz! S2

    Então, é isso. Espero que tenham gostado e que eu não tenha dado spoiler nenhum. rs.

    Ficha Catalográfica

    Paula Abreu. A aventura da adoção: um guia completo para pais, mães e filhos – Rio de Janeiro:Thomas Nelson Brasil, 2010.

    Beijos  e até mais!

    “Cada dia mais perto.”

    Livro · Resenha

    (resenha) Somos um do outro – Todd Parr

    capa-somos-um-do-outro

    Olá, pessoas.

    Venho com mais uma mini resenha de livro. Hoje o livro é “Somos um do outro – um livro sobre adoção e família”, do Todd Parr.

    É o mesmo autor da última resenha, O livro da família , mas esse aborda especificamente o tema da adoção. Eu me apaixonei logo de cara pelo título. rs. Mas o livro em si me incomodou um pouco. Explico.

    Com uma linguagem novamente bem simples e desenhos super coloridos e infantis , é como se o pai/mãe por adoção estivesse explicando ao filho porque eles pertencem um ao outro. Até aí achei lindo! ❤ Mas ele tende a justificar a adoção pela caridade. Não é essa a mensagem que gostaria de passar para o meu filho(a). Por exemplo, em um trecho ele diz assim:

    Somos um do outro porque…

    Você precisava de uma casa

    E eu tinha uma para dividir

    Agora nós formamos uma família. (Todd Parr, 2009)

    Vocês acham frescura minha?

    Porque até pode ser verdade que eles precisem de uma casa, mas nós também precisamos deles. E não é por isso que eu decidi adotar.

    Enfim, esse mesmo tom é repetido durante todo o livro. Acho que faltou uma reciprocidade aí. O autor não deve ser pai por adoção, né? rs

    O que vocês acham? Vou colocar outra citação para vocês opinarem:

    Somos um do outro porque…

    Você precisava de alguém para ler

    E nós tínhamos histórias para contar

    Agora nós temos alguém para nos divertir.(Todd Parr, 2009)

    O livro é muito bonitinho, mas não acho que vou ler para o meu filho, pelo menos não para auxiliar na explicação do que é adoção, talvez apenas como entretenimento.

    Será que eu estou exagerando?

    Bem, por hoje é só!

    Ficha Catalográfica

    Somos um do outro:um livro sobre adoção e famílias/ Todd Parr [tradutora Tatiana Fulas]. 1 ed. – São Paulo: Editora Panda,2009. Título original: We belong togethet: a book about adoption and families.

    “Cada dia mais perto.”

    Eu recomendo · Livro · Resenha · Sem categoria

    (resenha) O Livro da Família – Todd Parr

    Oi, pessoal!

    Estava com saudades. Desculpem por não ter postado neste domingo. Mas é que minha vida está meio bagunçada, sem computador em casa e aquele caos no trabalho. 2016 se tornou um teste de resistência e de vez em quando eu reprovo. rs. Mas bola pra frente que tá quase acabando.

    ***

    Hoje venho fazer uma mini resenha do Livro da Família, do Todd Parr. Sempre faço uma consideração nas “resenhas” que faço porque não entendo tanto assim de literatura, o que procuro observar nas obras é a temática da adoção e como ela é abordada.

    Pois bem. Todd Parr é um autor best seller de livros infantis e ilustrador que aborda os mais variados temas com uma linguagem adequada ao seu público-alvo. 

    Esse livro não fala diretamente de adoção, mas como o título sugere, sobre famílias.  E é uma fofura! As ilustrações são bem infantis e super coloridas. Imagino que a linguagem seja voltada para as crianças menores. 

    O livro trata dos mais variados tipos de família; fala do que as famílias tem de diferente umas das outras e do que TODAS as famílias tem em comum.

    A adoção é tratada sutilmente, como um dos tipos de família.

    Gente, super recomendo este livro. Uma maneira bem simples de apresentar a diversidade e a ensinar tolerância aos pequenos e pequenas. 

    Há muitas maneiras diferentes de ser uma família. Sua família é especial, independentemente do tipo que ela é. Com amor, Todd.” (trecho do livro) 

    Ficha catalográfica 

     O Livro da Família/ Todd Parr [tradutora Kiki Picante Millan]. 1 ed. – São Paulo: Editora Panda,2003. Título original: The family book.

    Até a próxima (espero que até domingo que vem. 😉)

    “Cada dia mais perto. ”

     

     

     

     

    Livro · Resenha

    Resenha – A historinha bonitinha de Maria Estrelinha

    Olá, pessoal!

    Eita, dei uma sumida de leve, né?

    Mas aqui estou para fazer uma mini resenha de mais um livro da minha pequena e crescente biblioteca sobre adoção.

    O livro de hoje é: “A historinha bonitinha de Maria Estrelinha”, de Márcia Lopes. Editora Edicon.

    mariaestrelinha

    Esse livrinho de 15 páginas, conta a história de Dona Estrela e João Estrelão que mesmo depois de casados há um bom tempo ainda não tinham sua estrelinha. Lá pelas tantas eles descobrem que sua estrelinha, por engano, foi parar na barriga de outra estrela. Daí o livro continua a contar a chegada da Maria Estrelinha.

    O que eu achei ? Achei que as ilustrações (tão importantes em livros infantis) e a linguagem podiam ser melhores. Bem, eu gostei da ideia da história. Mas assim como o livro anterior, ele explica a adoção através da infertilidade. É que eu acho que a adoção é muito mais que isso, né?

    Acho importante também dizer que o livro é de 1997 e a autora recomenda que seja utilizado para encorajar os pais a contar para os filho sobre a adoção. Acho que hoje em dia, contar nem é mais uma opção, já está implícito.

    Onde eu comprei? No site das Lojas Americanas, por mais ou menos R$ 14.00.

    FICHA BIBLIOGRÁFICA

    LOPES, Márcia. A historinha bonitinha de Maria Estrelinha – 1 Ed. – São Paulo: Edicon, 1997.

    Abraço, pessoal!

    Até breve!

    “Cada dia mais perto.”

     

    Livro · Resenha

    Resenha livro – Bebê do Coração

    Oi, pessoal.

    livro-bebe-do-coracao

    Vim hoje aqui fazer uma pequena e breve resenha do livro infantil com a temática de adoção, “Bebê do Coração”, de Telma Kracochansky Laufer, da Editora Callis.

    Bom ressaltar que não sou crítica literária.

    O livro conta a história de um casal que não conseguia gerar um bebê e então decidiu adotar, indo em busca do bebê do coração, o bebê que foi “escolhido, querido e desejado”.  A linguagem é simples e as ilustrações são bem bonitinhas.

    Eu gostei do livro. Achei uma boa maneira de apresentar uma das formas da adoção. Ainda que não conte exatamente a minha história, conta a história de muitas pessoas.

    Até breve.

    “Cada dia mais perto.”

    Eu recomendo · Filme · Gestação do coração · Livro

    Livros e Filmes adultos

    Olá!

    Vamos à lista de livros e filmes adultos passados pela Assistente Social e Psicóloga da Vara da Infância?

    FILMES

    • Kolya – uma lição de amor;
    • Annie;
    • O contador de histórias;
    • Um sonho possível;
    • O garota da bicicleta;
    • Ensinando a viver;
    • Juno;
    • A.I. Inteligência Artificial;
    • Um verão para toda vida;
    • Trilhos do destino;
    • O que esperar quando você está esperando.

    LIVROS

    • Manual do pai adotivo – Autor: Sávio Bittencourt. Ed. Nota Bene;
    • 101 perguntas e respostas sobre Adoção – CeCIF (org). São Paulo: CeCI 2001;
    • Mitos e segredos sobre a origem da criança na família adotiva – Cynthia Ladvocat. Ed. Booklik Terra dos Homens. Rio de Janeiro, 2002;
    • Retrato em preto e branco. Manual prático para pais solteiros – Ângelo Pereira. Ed. Sumus Editorial, 2002;
    • Filhos adotivos pais adotados – Depoimento e histórias de escolhas – Lidia Weber.Editora Juruá;
    • Eduque com carinho – equilíbrio entre amor e limites – Lidia Weber. Editora Juruá, 2005;
    • Amor não tem cor – Giselda Laporta Nicolelois. Ed. FTD, 2002;
    • No bico da cegonha. História da adoção e da adoção internacional – Domingos de Abreu, Ed. Relume Dudará, 2002;
    • Casos e acasos da adoção – Maria José Barbosa de Gobbi, Ed. do autor, 2002;
    • Abandono e adoção: contribuições para uma cultura da adoção – Fernando Freire (org). Ed. ABTH, Curitiba, 2001;
    • Rede Solidária – Maria Teresa Maldonado. Ed. Moderna – São Paulo, 2001;
    • Adoção tardia. Da família sonhada à família possível – Marlizete Maldonado Vagas. Ed. casa do Psicólogo;
    • Compreendendo o filho adotivo – Luis Schettini Filho. Ed. Bagaço – PE;
    • Compreendendo o pai adotivo –  Luis Schettini Filho. Ed. Bagaço – PE;
    • Adoção: origem, segredo, revelação –  Luis Schettini Filho. Ed. Bagaço – PE;
    • Pais e filhos por adoção no Brasil – Lidia Weber. Ed. Juruá, PR;
    • Adoção: Uma história de espera e amor – Vera Regina Gomes. Ed. Juruá – Curitiba, 1998;
    • História da vida inteira – como transformar obstáculo em caminhos – Maria Teteza Maldonado. Ed. Integrare, 2006;
    • Para fazer uma adoção – Márcia Lopes. Ed. Edicon;
    • Os desafios da adoção no Brasil 1 – editora Terrra dos Homens;
    • Os desafios da adoção no Brasil 2 – editora Terrra dos Homens;
    • Aspectos psicológicos da adoção – Lidia Weber;
    • Laços de ternura – Lidia Weber;
    • Mães abandonadas: a entrega de um filho em adoção – Maria Antonieta Pisano Motta. Ed. Corte Editora;
    • Colocação familiar – editora Terra dos Homens;
    • Do abrigo à família – editora Terra dos Homens;
    • A criança adotiva e suas famílias – Nazir Hamad. Ed. Companhiade Freud;
    • Histórias de adoção: As mães 

      – Ana Amélia Macedo  Solange Diuna. Ed. Novana Editora.

    Gente, é muito livro, né? rs Peço desculpas pela falta de algumas informações bibliográficas, mas a lista que me deram estava assim.

    Bem, eu pretendo fazer algumas leituras e venho aqui fazer resenha, ok? Alguns livros eu já tenho e até já comentei aqui, deem uma olhada neste post!

    Até mais, pessoal e Boa leitura!

    Filme · Livro · Sem categoria

    Livros e filmes infantis

    Olá, pessoal!

    Hoje vou apresentar a vocês a lista de filmes e livros infantis com o tema adoção que nos foi sugerido pela Assistente Social que acompanha nosso processo.

    Filmes

    • Tarzan; Kung Fu Panda I e II; Meu Malvado Favorito; A Família do Futuro; Bernardo e Bianca; O Príncipe do Egito; Pollyanna; Stuart Little; Mogli – o menino lobo.

    São todos filmes bem conhecidos e fáceis de encontrar.

    Livros

    • Conta de novo – a história do dia em que nasci. Jane Lee Curtis. Ed. Salamandra.
    • O dia em que eu fiquei sabendo. Isabel Linhares. Ed. Salamandra
    • Camila e seus amigos. Aline de Petigny. Ed. Paulinas.
    • Então você chegou. Anette Hildebrandt. Ed. Companhia das Letras
    • O abraço de Antônio. Luciana Rigueira. Ed. Paulinas.
    • Uma dose de amor. Marly Aparecida G. Souto. Ed. Edicon.
    • A história de Ernesto. Merce Company. Ed. Paulinas.
    • O filho por adoção: um manual para crianças. Lidia Weber. Ed. Juruá.
    • A historinha bonitinha de Maria Estrelinha. Marcia Lopes. Ed. Edicon.
    • Diário ao contrário. Sonia Barros. Ed. Atual.
    • Bebê do coração. Thelma Laufer. Ed. Callis
    • O feliz encontro entre Pinoquio e Gepeto: uma história de adoção. Maria José Barbosa.
    • O livro da família. Toddy Parr. Ed. Panda Books.
    • Somos um do outro.  Toddy Parr. Ed. Panda Books.

     

    Ufa! Eu encomendei o da Maria Estrelinha (R$ 13, 70 no site da Americanas) e o Bebê do Coração (R$ 18,00 em um Sebo).

    Volto pra contar o que achei dos livrinhos!

    E volto também para passar a vocês a lista de filmes e livros adultos. A lista é maior ainda, preparem-se.. rsrsrs.

    Até mais, pessoal!

    Eu recomendo · Livro

    Livro – Nino e a casa dos meninos invisíveis

    Nino

    Olá pessoal!

    Eu pretendo fazer uma bibliotecazinha para a posteridade com livros sobre adoção. Claro que, como entusiasta do assunto, já tenho alguns em casa. Mas quero focar nos livros infantis que tratam o tema de forma lúdica e leve para as crianças ( e não só as que foram adotadas).

    Comecei pelo livro do Sávio Bittencourt: Nino e a casa dos meninos invisíveis. Na verdade, ele trata mesmo é das crianças que vivem acolhidas. A intenção é tornar esses meninos e meninas VISÍVEIS, não apenas para os personagens da historinha, mas principalmente para os leitores! A linguagem é voltada para o público infantil, mas o tema é relevante para todos nós. Enfim, recomendo!

    À medida que for adquirindo mais livrinhos, volto para compartilhar com vocês, Ok?

    Beijos e até a próxima!

    Livro · Nossa história

    Filho biológico

    39646358-368-k521894

    Não sei se já comentei, mas meu maridão é escritor nas horas vagas.(rsrs) Com direito a um conto publicado e tudo (Veja aqui). Este, abaixo, é o conto fofo que ele escreveu em homenagem a(o) nosso(a) futuro(a) filho(a), provando que eu não sou a única lá de casa que vive com o pensamento nele / nela.

    Este conto foi publicado no site/aplicativo Wattpad. Para ler este e outros contos dele clique AQUI.

    Vamos a ele:

    Filho Biológico (De Padu Cantuária)

    Você ainda não nasceu, mas já te amo. 

    Ainda não te vi, mas já te amo.

    É incrível como essas coisas são…

    O amor é uma série de interações fisiológicas, biológicas, entre duas pessoas, que tendem a se tornar mais intensas à medida que passa o tempo em que essas pessoas estão juntas.

    Pronto, é amor. Com certeza!

    Sabe aquela acelerada no coração que dá quando dizem “te amo”?

    É assim que vou me sentir quando disser “papai”… ou “mamãe”… 
    Quando segurar minha mão com força ou quando me apresentar o primeiro amiguinho ou amiguinha, namorado ou namorada.

    E cada momento que estivermos juntos, e cada momento que estivermos longe.

    E tudo isso vai me fazer te amar mais e mais…

    E como o amor são apenas interações fisiológicas, biológicas, perfeitamente explicáveis na bioquímica, mas que não sei explicar de forma que você (ou eu) entenda, eu gostaria de dizer que não sei se você já nasceu e provavelmente ainda não te vi, mas já te amo.

    Você será meu filho. Será amado e teremos essas interações fisiológicas, biológicas, que tanto falei.

    Não vejo a hora de te adotar, meu filho biológico!